Quanto devo produzir para meu negócio dar lucro?

Hoje gostaria de compartilhar um conhecimento que obtive no curso “Aprender a empreender” do Sebrae. Para aqueles que já possuem conhecimentos avançados em finanças, pode parecer banal. Contudo, para os mais leigos, como este que vos escreve, com certeza será útil.

Para saber quanto é necessário produzir para ter lucro, é preciso acharmos o ponto de equilíbrio, que é o resultado da divisão dos custos fixos pela margem de contribuição.

Antes de continuar a explicação, vou tentar esclarecer alguns conceitos. Os custos de um negócio são divididos em fixos e variáreis. Os fixos são aqueles que se referem aos meios de produção, que são independentes do nível de atividade da empresa como salário dos empregados, conta de luz e telefone, limpeza, pró labore etc.

Já os custos variáveis são aqueles ligados diretamente à atividade da empresa. Por exemplo, matérias primas, imposto diretos da venda, comissões etc. Ou seja, eles variam de acordo com a demanda do empreendimento. Se você produz mais, eles aumentam, se produz menos, diminuem.

Margem de contribuição

Agora um conceito fundamental para o cálculo do ponto de equilíbrio: a margem de contribuição. Ela é a diferença entre o preço de venda e os custos variáveis para produção de cada produto.

Por exemplo, se uma doceira gasta tem custo variável de R$2,50 para produzir um pote de doce e o vende por R$4,00, ela tem uma margem de contribuição de R$1,50.

PREÇO DE VENDA (R$4,00) – CUSTO VARIÁVEL (R$2,50) = MARGEM DE CONTRIBUIÇÃO (R$1,50).

A margem de contribuição ajudará a cobrir os custos fixos, por isso é chamada de “contribuição”.

Ponto de equilíbrio

Agora que já clarificamos os conceitos, já é possível calcular o tanto que é necessário produzir para obter lucro. Retomando o exemplo da doceira, se ela possui um custo fixo R$1.000 por mês, para saber quantos potes de doce precisa fazer para ter lucro, precisamos dividir esse valor pelo margem de contribuição (R$1,50).

PONTO DE EQUILÍBRIO = CUSTO FIXO (R$1.000) / MARGEM DE CONTRIBUIÇÃO (R$1,50).

Dessa forma, fazendo o cálculo, o ponto de equilíbrio da doceira é 667 potes de doce mensal, ou seja, ela precisa produzir esse montante para não ter prejuízo. A partir de 668 potes, a empreendedora já estará tendo lucro.

A partir do cálculo do ponto de equilíbrio, é possível planejar melhor o próprio negócio e ter ideia dos custos totais.

Como disse, sou quase um leigo no assunto, mas espero contribuir com outros iniciantes no assunto!

No Portal Educação Sebrae há mais cursos sobre empreendedorismo e gestão de negócios. Para acessar clique AQUI.

Anúncios

5 pensamentos sobre “Quanto devo produzir para meu negócio dar lucro?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s